Cia. Mambembrincantes
Gig Seeker Pro

Cia. Mambembrincantes

Band Folk World

Calendar

This band hasn't logged any future gigs

This band hasn't logged any past gigs

This band has not uploaded any videos
This band has not uploaded any videos

Music

Press


http://revistaraiz.uol.com.br/portal/index.php?option=com_content&task=view&id=940&Itemid=163
- Revista Raiz


Mambembrincantes faz espetáculo na Vila do Pan-Americano.

A Companhia vai se apresentar para cerca de oito mil pessoas


No dia 20 de julho, às 19h, a Cia. Mambembrincantes, de Brasília, terá participação especial na Vila dos Jogos Pan-Americanos, no Rio de Janeiro, quando vai mostrar seu trabalho cênico-musical para uma platéia de cerca de oito mil pessoas, entre integrantes de delegações nacionais e internacionais, equipe técnica, atletas e convidados.

Ú nico grupo musical de Brasília a se apresentar no Pan, o grupo foi convidado pela Petrobras, patrocinadora oficial dos Jogos Pan-Americanos, para integrar as apresentações que irão acontecer de 13 a 29 de julho, no Palco instalado nas dependências da Vila.

Mostrando canções de seus três CDs (Mambembrincantes, Ao Morro e Mecedina), a Companhia quer contagiar o público com os ritmos do Maracatu, Afoxé, Cipó Preto, Boi-Bumbá, Reisado, da Congada, Xula, Catira, entre outros. “Queremos que os estrangeiros conheçam os ritmos importantes da nossa arte popular e que os brasileiros venham a apreciar ainda mais essa riqueza de sons e cores tão particular da nossa cultura”, diz o músico Francisco Nogueira, vocalista da Companhia.

Com oito integrantes, entre músicos e atores, a Cia. Mambembrincantes começou de forma diferente sua trajetória artística. Suas primeiras apresentações, em 2000, foram na Europa, numa turnê que percorreu Berlim (Alemanha), Amsterdan (Holanda) e Avignon (França), mostrando o Teatro de Rua Prosas e Leréias Cantantes.

A sonoridade da Cia. Mambembrincantes é toda gerada por instrumentos tradicionais utilizados nos folguedos. A rabeca, a viola caipira, a zabumba, entre outros instrumentos, dão os tons e acordes para composições próprias, músicas de domínio público e canções tradicionais das manifestações populares.


Mais informações:

Cia. Mambembrincantes – Silvana Ribeiro – Cel. (61) 8111-4299
E-mail: imprensa@mambembrincantes.com
Site: www.mambembrincantes.com



- Silvana Ribeiro




Mambembrincantes participa do Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana.


Em caravana por 22 cidades de Minas Gerais, a Cia. faz apresentação especial no evento


A Cia. Mambembrincantes, de Brasília, se apresenta no dia 18 de julho, às 21h, na Praça da Sé, em Mariana e no dia 19 faz espetáculo na Praça Universitária, em Ouro Preto. As apresentações são gratuitas e fazem parte da programação do Festival de Inverno das duas cidades mineiras.

A apresentação no Festival faz parte da turnê iniciada pela Companhia no último dia 24 de junho, que percorrerá 22 cidades de Minas Gerais até o início de agosto. A Caravana Fazendo Arte pelo Brasil mostra canções de seus três CDs (Mambembrincantes, Ao Morro e Mecedina).

Com patrocínio da Petrobras, a Caravana viaja levando toda a estrutura de um palco, som, iluminação e equipe técnica. As apresentações acontecem, gratuitamente, em praças públicas para que todos tenham acesso aos ritmos brasileiros como o Maracatu, o Afoxé, a Congada, o Cipó Preto, a Xula, a Catira, o Boi-Bumbá, o Reisado, entre outros.

Essa é a segunda Caravana da Cia. Mambembrincantes, em 2006 a companhia viajou pelo Brasil realizando 35 apresentações em um caminhão-palco, percorrendo os Estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Rondônia.

Com oito integrantes, entre músicos e atores, a Cia. Mambembrincantes começou de forma diferente sua trajetória artística. Suas primeiras apresentações, em 2000, foram na Europa, numa turnê que percorreu Berlim (Alemanha), Amsterdan (Holanda) e Avignon (França), mostrando o Teatro de Rua Prosas e Leréias Cantantes.

A sonoridade da Cia. Mambembrincantes é toda gerada por instrumentos tradicionais utilizados nos folguedos. A rabeca, a viola caipira, a zabumba, entre outros instrumentos, dão os tons e acordes para composições próprias, músicas de domínio público e canções tradicionais das manifestações populares.



Mais informações:

Cia. Mambembrincantes – Silvana Ribeiro – Cel. (61) 8111-4299
E-mail: imprensa@mambembrincantes.com
Site: www.mambembrincantes.com










- Silvana Ribeiro



Mambembrincantes no PAN Jornal de Brasília - 19 de junho http://www.clicabrasilia.com.br/impresso/noticia.php?IdNoticia=297021&edicao=1588

Imprimir

Comentários (0)

Enviar por e-mail


Gabriel Jabur


Trupe cênico-musical também se preocupa com o meio ambiente: o grupo pretende plantar oito


Brasília no Pan

Grupo musical da cidade, a Cia. Mambembrincantes fará apresentação amanhã no evento esportivo

Pedro Brandt


Cair na estrada é uma constante na trajetória da Cia. Mambembrincantes. O grupo musical brasilense, inclusive, fez sua estréia com uma turnê por três países europeus. Hoje, eles saem mais uma vez em viagem. Desta vez, o destino do Projeto Caravana Fazendo Arte Pelo Brasil é o Rio de Janeiro – cidade em que o grupo se apresenta amanhã, na Vila dos Jogos Pan-Americanos, como parte oficial da programação do evento esportivo – e, depois, Minas Gerais, onde passará por 22 cidades, incluindo no roteiro os festivais de inverno de Ouro Preto e Mariana.

Além do próprio trabalho cênico-musical desenvolvido pelo Mambembrincantes, um detalhe também chama a atenção. Ao voltar da turnê mineira, o grupo plantará árvores para compensar o dióxido de carbono (CO2) produzido pelo ônibus e pela van da companhia e dispensados no ar ao longo dos 5 mil quilômetros percorridos durante a viagem.

Para realizar o projeto, a Mambembrincantes contou com os serviços de uma empresa de consultoria ambiental, que providenciou um cálculo para saber quantas árvores precisarão ser plantadas para compensar o CO2 emitido. Segundo o geólogo Christian Della Giustina, da Geo Lógica, oito árvores são suficientes para chegar ao objetivo do grupo. Elas levarão de seis a dez anos para compensar o carbono jogado no ar. "Se uma viagem como essa precisa de oito árvores, imagine quantas mais são necessárias para uma indústria", comenta o geólogo. As mudas serão plantadas num terreno em Brazlândia e monitoradas pela ONG brasiliense Novo Encanto.

"Essa ação, sozinha, é muito pouco, mas acreditamos que ao longo da turnê, com as pessoas assistindo ao nosso espetáculo na rua, essa mensagem ganhe um potencial muito grande de propaganda", diz Francisco Sérgio Nogueira Filho, o Chicão, fundador do Mambembrincantes.

Equipe
O grupo começou suas atividades em 2000 e conta com os integrantes Rogério Fagundes Neto, na rabeca; Léo Oliveira Terra, no cavaco; Marcos Ramalho, na percussão; Anahí Clara Santos Nogueira e Érika Míriam Cortez, ambas voz e percussão, Rebeca Queiroz, flauta e voz, Chicão na voz e viola e ainda o bonequeiro Mauro Batista Araújo. A caravana contabiliza um total de 16 pessoas entre músicos e equipe técnica.

Em suas músicas, a Cia. Mambembrincantes vale-se de recursos de manifestações populares brasileiras, como Maracatu, Afoxé, Congada, Cipó Preto, Xula, Catira, Reisado, Folia de Reis, além de elementos de autos teatrais com bonecos gigantes, como Boi-Bumbá, Burrinhas e Jaraguá. No repertório cabem músicas próprias e canções tradicionais e de domínio público.

O Mambembrincantes já lançou três discos. O primeiro – que leva o nome do grupo –, de 2003, é a trilha sonora do documentário Quilombos Quilombolas, de Franca Vilarinho. Ao Morro, o segundo trabalho, foi gravado ao vivo, em 2004. Mecedina, o CD mais recente, foi lançado no ano passado. Nas apresentações, o grupo mostra repertório composto por faixas de todos os discos, porém algumas delas aparecerão com novos arranjos.

Para Chicão, o vínculo da música popular com a conservação do planeta já está no imaginário popular. "Queremos que as pessoas resgatem lembranças que elas nem sabiam que tinham, trabalhar o imaginário coletivo", afirma. Chicão lembra que as manifestações populares bebem da fonte da natureza, de imagens e sons da fauna e da flora. "Com os shows, queremos associar o bem-estar proporcionado pela música com a mensagem ecológica". Ele explica que muitas canções do grupo abordam questões ecológicas. Além disso, nos espetáculos, os bonecos e o bate-papo com o público, entre as músicas, reforçam a mensagem.

Em 2006, a Caravana Mambembricantes Fazendo Arte passou por estados do centro do País, totalizando 35 apresentações realizadas sobre um caminhão-palco por cidades do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Rondônia (e ainda em duas cidades da Bolívia). A turnê por Minas Gerais tem o patrocínio da Petrobras, porém a companhia ainda busca interessados em patrocinar a turnê pelo restante dos estados do Sudeste. "Pretendemos fazer essas viagens em etapas. Acho que até a metade de 2008 teremos passado por todo o sudeste do Brasil", conta Chicão.




Publicado em: 19/06/2007



- Jornal de Brasília


Discography

We've recorded 3 CDs
1 - "Mambembrincantes", an artesanal record
2 - "Ao Morro", record live
3 - "Mecedina"

Photos

Bio

We are the Mambembrincantes Company, specialising in traditional Brazilian folk music and other related arts, basing our work on the popular festivals held in streets and public squares throught Brazil.

We use traditional Brazilian folk instruments - the "viola caipira", the "rabeca", the "cavaquinho", the "zabumba", the "pandeiro", and so on.

In our site, www.mambembrincantes.com you will find all the numbers of the three CD's we have recorded up to now, and we are interested in play our music in the Festivals around the world, and distribute our CD's and shows in the countries where you have influence. By this, we are making contact with you, waiting for your answer.