PAX
Gig Seeker Pro

PAX

Band Rock Classic Rock

Calendar

This band hasn't logged any future gigs

This band hasn't logged any past gigs

This band has not uploaded any videos
This band has not uploaded any videos

Music

Press


Site: http://solomon1.com/a/2009/09/paz-stoner-rock/

Stoner Rock é um estilo de som, infelizmente, pouco difundido no Brasil. Apesar de abranger ícones mundiais como Black Sabbath, Down, Cathedral e outros, poucas pessoas saberiam dizer do que exatamente se trata essa linha som. Já que ela também envolve duas vertentes bem distintas do rock. O Doom e o Hard Rock. Esse segundo, sendo o caso da banda da Pax, formada por Arthur Zarpelon (Vocais e Guitarra), J. Monaco (Bateria e Programações), Nathan Bolmicar (Guitarras) e Thiago Veiga (Baixo), uma da maiores surpresas da cena nacional em 2009. É meio difícil crer que uma banda brasileira apostou nesse estilo, ainda mais fazendo som próprio. O que dirá de uma banda com músicos cristãos fazendo Stoner Rock. E mesmo sem haver concorrência no mercado, a banda vem cheia de ousadia e inovações. A primeira delas e lançar um EP online e grátis para baixar. Outra questão são as músicas. São quatro sons intermediados por quatro interludes totalmente remixados de músicas, riffs, crianças e outros experimentos. Definitivamente uma viagem musical do “velho e o novo” se chocando. Após a faixa intro temos a ótima Gates Of Death extremamente influenciado por bandas como Down e The Hellacopters. Riff matador logo de cara e destaque para os vocais de Arthur Zarpelon que não perde a pegada do começo ao fim. Logo após o interludio The Price temos a música 30 Coins, um dos destaques do EP que me lembrou muito Corrosion of Conformity na sua fase atual, mas sem perder a veia 70´s, que é uma marca da banda. Mas uma particularidade dessa música é o refrão daqueles que grudam na sua cabeça e quando você menos percebe já está cantando. Muito bem construído e novamente destaque para os vocais junto com a ótima cozinha da banda. Fire Song vem na cola numa timbragem e pegada de guitarras que, particularmente, gosto muito. Algo na linha Moby Dick e Immigrant Song do Led Zeppelin. Como sempre, riff marcante e uma letra de forte cunho questionador sobre como muitos levam a vida de forma leviana. Mais duas vinhetas recheados de experimentalismo, Care Mess e Wehavadream e chegamos última e melhor faixa do EP. Landslide. Uma aula de Stoner. Um riff atrás do outro e um ótimo trabalho de vocal, principalmente no refrão. Nos brigdes temos até o famoso discurso do Rev. Dr. Martin Luther King Jr muito bem “costurado”. Moutain-Top Speech é a base da letra da música que fala sobre discriminação, os temores desse tempo e a esperança do futuro. A música termina com Luther King Jr gritando em alto e bom som;
"I´m not worried about anything
I´m not fearing any man
Mine eyes have seen the glory of the coming of the lord"

(Não estou preocupado com nada / Não estou temendo qualquer homem / Meus olhos viram a glória da vinda do Senhor)

É bom deixar claro que o recurso de comparar a banda com outras do estilo é simplesmente para deixar o leitor mais localizado quanto ao som da Pax. A banda mantém um estilo próprio, mantendo esse EP bem homogêneo tanto no som quanto nas letras, que trás um trabalho totalmente conceitual.

Se estiver curioso para ouvir, ler as letras e curtir toda a arte do PRELUDE (EP), é só entrar no site da banda e baixar gratuitamente. Fica a dica. - Solomon media (solomon1.com)


Discography

"PRELUDE" - EP with 4 tracks and visual art available for download at http://paxband.com for free. You can also check out some songs at http://myspace.com/paxmusic

Photos

Bio

The band started late 2005 experimenting different styles. As of 2008, the band decided to define and pursue a heavier style with lyrics that question society values. PAX is always remembered by it's intense stage performance.

Our influences start at classic rock primarily with Black Sabbath, Grand Funk Railroad, The Allman Brothers Band, Phil Keaggy, Glass Harp and Led Zeppelin. Currently we enjoy listening to and identify ourselves with Gov't Mule, Black Stone Cherry, Zakk Wylde, Black Label Society, Anthrax and NIN.